terça-feira, 16 de agosto de 2011

"Costura Copta"

                         Livro que confeccionei com miolo de papel Vergê branco 80g,  pastas de cartão
                                           cinza Hörlle  revestidas com papel importado e costura com cordão rosa.

    Um dos estilos de costura exposta - aquela que fica aparente ao longo da lombada - mais populares e apreciados que existem é a chamada "costura copta" ou coptic stitch em inglês, que talvez devesse ser mais apropriadamente chamada de ponto cadeia - link stitch.


    Como já mencionado anteriormente (aqui) as encadernações coptas, desenvolvidas pelos primeiros cristãos do Egito, os Coptas, por volta do segundo século AD,  se caracterizam por brochuras (ou cadernos) costuradas pelo lado dobrado das folhas e, quando mais de uma brochura, unidas entre si por meio de costura formada por elos que se encadeiam como se fossem uma corrente, do tipo ponto correntinha:


   Ainda nesse caso, de múltiplos cadernos costurados juntos, capas formadas de várias camadas de papiro ou placas de madeira constituíam seu revestimento, se bem que no caso de uma única brochura é comumente usado o termo "encadernação Nag Hammadi".
    É muito interessante visitar o site da Biblioteca Digital da Universidade de Iowa que disponibiliza para consulta um protótipo desta e de outras formas primitivas de códices no link:

                                    http://digital.lib.uiowa.edu/u?/binding,93                                               

    Esse mesmo termo - encadernação copta - é empregado atualmente para designar encadernações modernas, como esta minha, costuradas no mesmo estilo, onde costuras à mostra fazem parte da estética e do design do livro valorizando-o e conferindo-lhe expressão artística.


   São encadernações que não utilizam cola, as chamadas non-adhesive bindings, cujas técnicas são exaustivamente exploradas e desenvolvidas por Keith Smith em sua série de livros sobre o assunto.



   Uma das vantagens dos livros assim confeccionados é sua extrema flexibilidade permitindo uma abertura de até 360°.

    
  

6 comentários:

  1. vera, manda ver. gostei muito do conteúdo do blog e da estética dele também. viva o bom gosto.

    abração,

    ricardo medeiros

    ResponderExcluir
  2. amanhã darei uma olhada nos links. estou estudando por conta: inglês instrumental. já consigo ler alguma coisa.

    ricardo medeiros

    ResponderExcluir
  3. Vera !!! maravilhoso..mas essa gente tem talento hein!!
    beijos!!
    annie

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, achei muito interessante a técnica, aonde posso encontrar mais material sobre o assunto?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Everton! Muito obrigada pela visita e interesse. Na postagem "Encadernação Copta", aqui mesmo no blog, falo mais sobre isso indicando inclusive o livro que ensina esse e vários outros tipos de costura. O link da postagem está na coluna da direita junto à foto do livro vermelho. Abraços, Vera

    ResponderExcluir
  6. Adoro esse trabalho!

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.